O Capacete de Ouro é a principal premiação do automobilismo brasileiro. O evento é promovido pela Revista Racing desde 1997 e premia os destaques do ano em diferentes categorias, valorizando principalmente as revelações e as promessas do Brasil e do mundo.

Pela primeira vez o drift esteve presente na premiação. O vencedor da categoria em 2019 foi o tricampeão brasileiro, Diego Higa. A seleção dos finalistas é baseada no desempenho dos pilotos durante as competições oficiais do ano anterior, então, os que se destacam passam para a etapa final em que são votados por jornalistas especializados.

Uma temporada quase perfeita em 2018, chegando ao título brasileiro com 4 vitórias e apenas um 2º lugar em cinco etapas do Super Drift Brasil foi o que qualificou Diego Higa ao prêmio.

“Fico muito feliz por receber esse prêmio e também pelo reconhecimento que o drift vem conquistando nos últimos anos. O Brasil já se consagrou uma potência no esporte, e hoje posso dizer que é uma honra poder dividir as pistas com grandes competidores. Eu dedico esse troféu à minha família, à Super Drift Brasil e a todos que vem trabalhando junto à SDB para o desenvolvimento do esporte e à todos que admiram o meu trabalho”, Diego Higa.

A temporada 2019 do Super Drift Brasil está na reta final e a última etapa acontecerá no Mega Space, em Santa Luzia-MG, no dia 24/12. Onde Diego Higa tem grandes chances de se tornar tetra campeão brasileiro. Ingressos à venda através da Eventbrite.

Eu sou um bloco de texto. Clique no botão Editar (Lápis) para alterar o conteúdo deste elemento.